Uma proposta minha para você. 1 Real pela sua ajuda.

15/07/2010 17:42

 Não sei se você sabe, mas eu sou escritor e já escrevi dois livros. Sou Engenheiro Agrônomo, e pequeno empresário. No entanto, para qualquer um que possa ser o “Rei da Cocada Preta” você não pode crer sem desconfiar; no meu caso, e na há nada que eu ou qualquer outro coloque aqui ou em qualquer lugar da Internet, que diga a você que esta ou aquela pessoa é rigorosa no cumprimento das suas obrigações, pois não as conhecemos pessoalmente. Por favor, não precisa crer em nenhuma prerrogativa, minha ou de qualquer um que seja. Mas eu tenho um projeto, e peço sua ajuda para levar aos quatro cantos do Brasil. Peço licença à moderação de onde está sendo postado e aos leitores do site permissão para colocar aqui meu plano. Eu vi ao longo destes meus 3 anos como microempresário (posso passar em PVT meu CNPJ), uma dúzia de pessoas perderem tudo o que construíram, por absoluta falta de orientação, PRÉ, ANTES de montarem seus negócios. Atiraram-se num barco, cujas águas não sabiam navegar, e afundaram. Daí em diante, vem a discórdia, a desagregação familiar, a falta de fé, a desesperança, pelas brigas, pelos. Não há nada que corrija ou console, a não ser o tempo e a fé que cada um professa. Outro dia eu entrei em outra rede de noticias, e tinha um pergunta muito sugestiva: - O que o trouxe aqui? Gostei muito desta pergunta, por que apesar dos meus muitos anos de Internet, ninguém ainda havia me perguntado nada igual. E eu respondi, e está lá para quem quiser ver: -Impedir que as pessoas queimem seus tostões em micro e pequenas empresas, em impostos, taxas, emolumentos, e demandas trabalhistas. É isto que eu quero; que as pessoas parem, pensem, se aconselhem, leiam não somente o meu livro, mas todos aqueles que orientarem o PRÉ, O ANTES, mas que sejam livros de experiências pessoais, como é o meu: - simples, curto, fácil, digestivo. Eu passei por isso! Então não vamos deixar ninguém entrar, mas se entrar e quiser abrir seu negócio, vamos eliminar os 10 principais e maiores erros! Você já parou prá pensar quantas microempresas são abertas por dia, mês, ou ano no Brasil? Quanta gente vai dar com os burros n´água? Certamente pode chover de pessoas dizendo que eu estou contra o desenvolvimento das pessoas! Eu estou a favor! A favor que elas guardem muito bem seu dinheiro, ou invistam seguramente! Por isso eu peço sua ajuda. Eu não entendo nada de afiliações etc. e tal, mas...eu estou disposto a pagar para quem me ajudar, simbolicamente, 1 Real, para cada e-book vendido. Eu pensei da seguinte forma, mas se você tiver algo melhor e mais seguro, me diga: - Cada pessoa que você indicar, e efetivamente pagar o e-book, eu enviarei para sua conta, o valor exato da quantidade de e-books pelas pessoas que você indicou; indicou 10 pessoas, estas 10 compraram e pagaram, você recebe R$ 10,00. Isto é ilegal? Não. Isto é uma CESSÃO que estou fazendo PÚBLICAMENTE com base na LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998, que “Altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências.”, e está em acordo com o Capítulo V - Da Transferência dos Direitos de Autor, pois TODO o conteúdo do livro é de minha AUTORIA. Apenas foi liberado as primeiras 14 páginas, para você se inteirar da minha forma ou maneira de escrever. Segue a Lei: “Art. 49. Os direitos de autor poderão ser total ou parcialmente transferidos a terceiros, por ele ou por seus sucessores, a título universal ou singular, pessoalmente ou por meio de representantes com poderes especiais, por meio de licenciamento, concessão, cessão ou por outros meios admitidos em Direito, obedecidas as seguintes limitações:” Leia http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L9610.htm  Art. 50. A cessão total ou parcial dos direitos de autor, que se fará sempre por escrito, presume-se onerosa. Dos R$ 19,90 que é o valor do e-book, desta parte onerosa, eu estou cedendo R$ 1,00 para você me ajudar a vender. Óbvio que alguns estarão pensando: - Esse cara quer vender o e-book. Claro. Algum problema? Isto o afeta em que sentido? Mas quantas pessoas e famílias poderão manter seus recursos financeiros intactos na poupança? Já parou para pensar que muitos pais acabam fazendo um saque no futuro dos seus filhos por que não pensam antes? Pois então! É isto que eu quero ajudar a prevenir, com a sua ajuda. Espero que você tenha compreendido minhas intenções. Se eu conseguir que as poupanças fiquem no banco e as famílias sem perturbação, atribulações e discórdia,eu estarei satisfeito. Obrigado.

Contato

Meu Negócio é um Suce$$o!

Envie um email, informando o assunto, que eu terei o maior prazer em atender.


http://meunegocioeumsucesso.webnode.pt/